Início Notícias Paulo Pelaipe prefere o sistema assassino no Brasileirão devido a coronavírus

Paulo Pelaipe prefere o sistema assassino no Brasileirão devido a coronavírus

21
0

Crédito: Divulgação / Flamengo

O ex-diretor do Flamengo Paulo Pelaipe, agora em São Caetano, comentou a pausa nas rodadas das equipes estaduais, além do início do Brasileirão devido ao coronavírus.

Você conhece o canal de fãs no YouTube? Clique e assine!
Siga os fãs também em Instagram

O técnico fazia parte da equipe técnica do Flamengo até o início de 2020, quando foi demitido pelo clube e surpreendeu os fãs e alguns profissionais do clube.

Desde então, Paulo Pelaipe se muda para São Caetano, onde lidera o processo de renovação da equipe do ABC em São Paulo. O clube está atualmente em reconstrução.

Nesse sentido, o diretor do clube paulista deu uma entrevista à "Rádio Grenal", de Porto Alegre, e argumentou por que ele acredita que o Estado não terá fim.

"Não acho que as empresas estatais terminem. Eu ouvi o ministro da saúde dizer que o pico da doença será de 45 dias. Isso será em meados de maio. O Brasileirão não deve ser sacrificado em nome do estado. Não acredito ", Paulo Pelaipe disse.

Paulo Pelaipe e o sistema de eliminação

Quando perguntado qual seria a melhor fórmula para o Brasileirão, se o coronavírus interferir diretamente no andamento do calendário, o líder era objetivo.

Segundo Pelaipe, a opção viável seria o sistema de eliminação no campeonato nacional. Ele acredita que essa fórmula tenha sido bem-sucedida no Brasil nas últimas décadas.

“De repente, podemos voltar à velha forma de disputa que já teve muito sucesso aqui no Brasil. Com assassinos. Mas é muito cedo para definir "ele disse.

No caso da Libertadores, torneio no qual foi coroado campeão pelo Flamengo em 2019, Paulo Pelaipe acredita que o prazo para o reinício será além do estipulado.

“Parece-me praticamente impossível reiniciar a competição no início de maio. Basta olhar para os números e o que foi projetado. A situação é realmente preocupante. " declarado.

LEIA MAIS: ARGEL diz que pegou o CSA "quase morto" e fala de rumores no Vasco da Gama

Renovação & # 39; preso & # 39; e quase correto com Athletico: situação de Ferreira no Grêmio

Clique aqui noticia Oficial